quinta-feira, 14 de julho de 2011

Será que realmente o tênis Shape-Up funciona?




Fonte:http://www.nytimes.com/pages/health/index.html
Traduzido pelo google e adaptado!


Novos experimentos científicos estão inspirando uma pergunta simples, e no caso de John Mercer, essa pergunta foi: "Então, João,este tênis de tonificação funciona?"

Dr. Mercer, um professor de biomecânica da Universidade de Nevada, Las Vegas, estava conversando com um amigo que é gerente de uma loja de calçados esportivos. O amigo lhe disse que os clientes foram chegando e pedindo os tênis para tonificação, que são macios, e muitas vezes com uma sola em forma concava, que prometem fazer exercícios e usar mais os músculos nas panturrilhas, coxas e nádegas. "Seus peitos vão ficar com ciúmes",isso, é uma campanha publicitária para um dos modelos de tênis. Muitos fabricantes tem modelos : Reebok, New Balance, MBT, FitFlops e Crocs, entre outros.

O dono da loja possue vários modelos dos tênis de tonificação. Mas, disse Dr. Mercer, seu amigo estava desconfortável em recomendar aos seus clientes, porque ele não sabia se eles realmente funcionavam como alegado.

Dr. Mercer não sabia também. Assim, ele recrutou um grupo de jovens estudantes do sexo feminino saudáveis (os tênis de tonificação são comercializados quase que exclusivamente para mulheres) e tinham que andar em uma esteira por 10 minutos a uma hora, estando calçados, alternadamente, um Tênis normal e um Tênis de tonificação - neste caso, a Skechers Shape-ups. Ele e seus colegas ligaram sensores para as pernas das mulheres para medir os impulsos elétricos gerados com seus músculos contraídos. Eles também determinaram o consumo de oxigênio das mulheres, para ver se eles trabalharam duro e queimaram mais calorias com um sapato em vez do outro.


Mas como se viu, de acordo com resultados apresentados em junho na reunião anual do American College of Sports Medicine, a ativação muscular e consumo de oxigênio foram quase idênticos se as mulheres usavam tênis de caminhada normal ou os tenis tonificadores. A descoberta "foi um pouco surpreendente", disse Dr. Mercer, uma vez que seus voluntários comentaram que os tênis com sua supercie instável, era diferente sob os pés do tênis a pisada. Mas essa diferença não altera a forma como eles se moviam em vários modelos, disse ele.

O estudo do Dr. Mercer se junta a um pequeno mas crescente corpo de estudos de ciência sobre os tênis de tonificação, muito do que não tem apoio dos fabricantes ". Um estudo realizado no ano passado por fisiologistas do exercício na Universidade de Wisconsin-La Crosse, por exemplo, descobriram que a ativação muscular e queima de calorias não muda se as pessoas usavam tênis normais ou qualquer um dos modelos diferentes de tênis de tonificação. "Não há simplesmente nenhuma evidência para apoiar as alegações de que estes tênis ajudaram usuários ao exercício mais intenso, queimar mais calorias ou melhorar a força muscular e o tônus", concluíram os autores.

Outros resultados foram um pouco mais equívocados. Um estudo de 2009 mostrou maior ativação muscular quando as mulheres usavam o sapato tonificação Reebok, mas envolveu apenas cinco mulheres e foi financiada pela empresa de calçados, como a minha colega Tara Parker-Pope relataram no momento . Uma nova experiência apresentada em Junho na reunião medicina esportiva mostrou que, quando alguém entra em um tênis de tonificação , as forças geradas pelo pé batendo no chão e voltando para cima a perna de maneira move-se de maneira diferente do que se essa pessoa usa um sapato de caminhada normal. Mas essa mudança de forças tinham quase nenhum efeito sobre a ativação muscular.

"Sabemos que o valor da força mudou", disse Heidi A. Orloff, professor da Universidade de Puget Sound, que supervisionou o estudo. "Não podemos dizer se há benefícios para isso ou não."

Enquanto isso, no estudo, talvez, o mais revelador e de longo prazo com os tênis, pesquisadores canadenses da Universidade de Calgary no ano passado tinha voluntários usar um tênis tonificador ao longo do dia por seis semanas. No início, os voluntários sentiam a pisada instável, ativação e fortalecimento de pequeno esforço, músculos subutilizados nos pés e tornozelos que estabilizam o equilíbrio. Mas depois de seis semanas, o estas sensações tinham diminuído e os músculos estabilizadores não estavam sendo exercitados na mesma medida. Os tênis de tonificação, em outras palavras, havia fornecido os benefícios, mas por um tempo limitado e não para os grandes periodos, e não mostrou panturrilhas fortes e bumbum durinho.

(Tanto os estudos da Universidade de Puget Sound e da Universidade de Calgary foram financiados em parte por empresas de calçados).

Decepção com o desempenho dos tênis de tonificação começou a se infiltrar no resto do mundo. Este ano foram várias ações judiciais movidas contra os fabricantes de tênis de tonificação, alegando que os tênis não tinha cumprido as suas promessas ou tinham causado prejuízo.

Pouca evidência científica existe ainda sobre o risco de lesões dos tênis, e Dr. Mercer disse que não há razão óbvia por que o design biomecânico dos sapatos contribuiria para tais problemas. (Sua obra não foi financiada por empresas de calçados).

Enquanto isso, aqueles que repreendem os tênis pode estar faltando uma lição maior, ele continuou. O subtexto da seu e de outros estudos, segundo ele, é que o corpo humano é infinitamente engenhoso e absolutamente indolente. "Os seres humanos são bastante preguiçosos, do ponto de vista fisiológico", disse ele. "Nossos corpos vaõ tentar fazer o menor trabalho possível em qualquer situação." Assim, mesmo que pouco tempo como os passeios de 10 minutos que seus estudantes concluiram, os músculos das pessoas da perna se ajustaram as solas arredondadas dos tênis e a tonificação e gastos com energia não são maiores do que em tênis normal de todos os dias.

Esta conclusão não significa que os tênis não têm utilidade de tonificação, acrescentou ele, que é a mensagem que ele finalmente repassada para seu amigo da loja e gerente. Os tênis de tonificação, em seu estudo, podem não ter funcionado como anunciado, mas "algumas pessoas amam como se sentem," Dr. Mercer disse, "e se isso é suficiente para obter aquelas pessoas que se desloquem e façam seu exercicio, então, na minha opinião, os sapatos estão funcionando bem. "

3 comentários:

  1. funciona e muito, eu tenho....

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho adoro, funciona e muito, quero comprar outro,está ações judaicas são uma besteira.Ele não prejudica. O meu tenho a três anos e nunca deu nada,pelo contrário só ajudou.Além de tonificar me ajuda nas dores das costas.

    ResponderExcluir
  3. Quando ando com tenis shape ups a minha resistencia aumenta de forma significativa e consigo andar mais quilometros sem dores na coluna. Fui operada à coluna e fiquei com imensos problemas musculares lombares entre outros. Depois de 3 anos da cirurgia eu quase não andava e só retomei a minha vida no fim de 4 anos. Faz 9 que fui operada e não quero outros sapatos para fazer caminhadas que nao sejam os shape ups. Podem fazer as experiencas que desejarem...eu só preciso da minha experiencia!!!! Obrigada a quem os fabricou e continua a fabricar!!! Bem Hajam!

    ResponderExcluir